Não tenho tempo para analisar empresas!

Como indiquei num dos últimos artigos publicado no Prudente…

Escolher boas empresas e ganhar +13% ao ano

… os investidores que optam por tomar as próprias decisões de investimento podem obter resultados superiores aos profissionais que gerem fundos de investimento activo, pois não estão constrangidos pelas suas limitações – tamanho do capital sob gestão, dedução das comissões à rentabilidade do fundo, obrigações regulamentares das comissões de mercado, outras obrigações legais, etc. Para isso, basta abrir conta num intermediário financeiro (banco ou corretora) e escolher as melhores acções. Parece fácil… mas não!

Investir é difícil

No mercado, há muitos clichés. A ideia de que «é fácil investir no mercado», que «qualquer um pode fazê-lo», é um deles. Para mim, tocar uma suite de Bach é simples, mas o processo que levou até ao resultado final implicou décadas de estudo diário, muito sacrifício, muita análise e muita repetição. Como em tudo na vida, não é só necessário vocação, mas trabalho, trabalho e trabalho, além da orientação dos melhores professores. Na Bolsa, eu tive vários mestres:

Não tenho tempo para analisar empresas! 1 | Investidor Prudente

Todo o processo de investimento, desde o primeiro contacto com o mundo da Bolsa até à compra de uma acção bem-sucedida, é muito árduo.

Trabalho a tempo inteiro e especialização

Sou obcecado por natureza; quando me meto numa coisa, não desisto facilmente dela. Pelo contrário, às vezes persisto, mesmo sabendo que a coisa já não vai a lado nenhum (como alguns negócios em que estive envolvido). Nos investimentos – particularmente em acções da Bolsa – é necessário estudo, perseverança, resiliência e muito trabalho. Com a experiência, a abordagem acaba por ficar mais simples e focada no essencial. Como nos ensina Bruce Greenwald (que considero o maior professor de investimentos actualmente vivo), as estratégias mais simples são as melhores e, também, as que ninguém usa, não obstante exigirem muito trabalho e especialização:

Qualquer um pode ser especialista

Há muitos investidores particulares com carreiras bem-sucedidas nas suas áreas de formação, que hoje exigem cada vez mais especialização e capacidade técnica, como a engenharia, a medicina, o direito, as finanças, a educação, a informática, a agricultura, a matemática, etc. Esse conjunto de saberes altamente técnicos e científicos podem ser aproveitados na hora de investir. Peter Lynch, um dos maiores investidores de todos os tempos, dizia que as “pessoas normais” podiam utilizar o seu senso comum e conhecimento para vencer os profissionais de mercado – afinal, todos nós somos excelentes consumidores e temos opiniões formadas acerca dos produtos e serviços que mais gostamos, sejam eles básicos (Big Mac’s, iPhones, pesquisas no Google, compras na Amazon, etc.) ou complexos (novos fármacos, cibersegurança, blockchain, cloud, redes de comunicação, etc.).

O problema é que a maioria dos investidores não tem TEMPO para ler centenas de páginas de relatórios todos os dias, CONHECIMENTO do mercado e das nuances financeiras, contabilísticas e jurídicas das empresas e ACESSO a ferramentas de análise e a bases de dados.

É para isso que o Prudente existe

O trabalho, a família e as tarefas do dia-a-dia podem impossibilitar a procura por boas empresas para investir. E mesmo tendo todo o tempo do mundo para frequentar a Bolsa, os accionistas podem necessitar de uma segunda opinião. O Prudente existe para ajudar todos os investidores a tomar as suas próprias decisões de investimento, fornecendo-lhes…

  • informação
  • análises gerais às empresas
  • dados financeiros de longo prazo
  • rácios históricos de valorização
  • cálculos do valor intrínseco e da margem de segurança
  • perspectivas de analistas
  • acompanhamento da evolução dos negócios

No próximo artigo, irei explicar aquilo que o Prudente se propõe a oferecer aos investidores, bem como as condições e os termos do serviço.

Disclaimer

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e não deverá ser entendida como uma recomendação para comprar ou vender acções.

Se entender esta publicação como uma recomendação, tenha em conta que ela é generalista e poderá não ser adequada ao seu perfil de risco, que é único. A sua situação financeira individual não foi tida em consideração pelo Autor da análise, que desconhece o perfil de risco e objectivos de cada um Subscritores do Investidor Prudente.

Se necessitar de conselhos financeiros personalizados, procure sempre os serviços de um profissional devidamente credenciado e autorizado pela CMVM.

O Investidor Prudente e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação.

Esta publicação é propriedade intelectual de BBTOP20 – Produção de Conteúdos, Lda e destinada apenas aos Subscritores do site Investidor Prudente. As informações e opiniões contidas nesta publicação são confidenciais. É proibida a sua transmissão ou difusão, em todo ou em parte, sem autorização expressa.

Consulte o Disclaimer completo do Investidor Prudente.

Etiquetas :

Partilhe com outros investidores
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

6 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este website é protegido pelo reCAPTCHA e a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google são aplicados.

Iniciar Sessão
Não tem conta?

Se ainda não tem conta de subscritor utilize esta opção para aceder ao formulário de registo.

Registe-se gratuitamente e aceda a conteúdo exclusivo.

ebook-guia-fiscal-do-investidor-em-acoes-2022
download ebook grátis

Guia Fiscal do Investidor em Ações

Preencha o seu IRS de forma simples e rápida com a ajuda deste ebook.