Procurar
Close this search box.
Investidor Prudente - melhores ações

Análises

O que fazer à AT&T após o spin-off?

A AT&T, anteriormente conhecida como SBC Communications (1920), foi incorporada em 1983. É a maior empresa de telecomunicações americana, em termos de receita (embora a Verizon tenha, actualmente, uma capitalização bolsista superior).

A empresa vai realizar a separação (spin-off) da WarnerMedia e fundi-la com a Discovery.

Os investidores da AT&T receberão acções da nova empresa equivalentes a 71% do capital, enquanto os investidores da Discovery controlarão os 29% restantes. Além disso, a empresa vai reduzir metade dos seus dividendos para compensar a distribuição das novas acções, e isso fez tombar as acções.

Vejamos as perspectivas futuras…

A Chevron não corta o dividendo desde 1934

A Chevron Corporation é a segunda maior companhia petrolífera americana. A sua receita deriva dos segmentos “upstream” e “downstream”.

A empresa paga dividendos todos os anos desde 1934, e o crescimento dos dividendos ocorre há 34 anos, fazendo da Chevron uma Dividend Aristocrat.

Até quando esta “aristocrata” irá manter o crescimento dos dividendos? Será isto sustentável?

Oracle e o poder do Java

A Oracle é uma empresa tecnológica muito conhecida pela sua linguagem de programação – JAVA.

A companhia está num sector em constante inovação e enfrenta competição de algumas das maiores empresas do mundo, como a Amazon, Microsoft, IBM, Intel , Cisco, Adobe, Alphabet (Google), SAP, Hewlett-Packard, Salesforce.com, entre outras. O baixo crescimento e o aumento do endividamento preocupam-me.

Vamos ver o valor intrínseco do negócio…

Eli Lilly, a pagar dividendos desde 1885

Os dividendos da Eli Lilly crescem a uma taxa média de 5,8%.

A empresa paga dividendo desde 1885, e é possível que nos próximos 10 anos os dividendos cresçam à mesma taxa das últimas décadas.

Mas uma boa empresa, que produza bons rendimentos, não pode ser comprada a qualquer preço. Vou explicar porquê.

ExxonMobil, petróleo, gás e… computação quântica?

A Exxon Mobil Corporation (nome estilizado para ExxonMobil) foi incorporada em Nova Jersey no ano de 1882. A empresa opera no segmento upstream e downstream; ou seja, o seu negócio principal envolve:

– exploração e produção de petróleo bruto e gás natural;
– fabricação, comércio, transporte e venda de petróleo bruto, gás natural, produtos petrolíferos, produtos petroquímicos e uma ampla variedade de produtos especiais.

A empresa é uma excelente geradora de caixa, mas tem alguns desafios a enfrentar, como os baixos preços recentes do petróleo e as políticas verdes da transição energética, às quais se está a adaptar, com soluções tecnológicas inovadoras, mas que podem implicar custos pesados de inovação. A questão do preço a pagar pelas acções da ExxonMobil é subjectiva, pois depende das suas alternativas de investimento, mas à taxa de desconto actual das obrigações corporativas AAA (de 2,7%) eu teria cuidado com valores acima dos…

A Pfizer foi a primeira…

A Pfizer é uma empresa biofarmacêutica que desenvolve e vende fármacos em todo o mundo. Foi a primeira a desenvolver uma vacina contra a COVID-19.

O talento da empresa dentro do seu segmento é inquestionável, mas os seus custo de inovação e administrativos são elevados. Apesar disso, a empresa tem conseguido lidar com a concorrência e pagar dividendos aos accionistas desde 1989.

Considero a cotação actual justa (até me admiro por não estar ainda mais alta, por não haver maiores movimentos especulativos), mas com uma margem de segurança apertada. O ideal é apanhar a Pfizer nas quedas, junto ao valor considerado “barato”, de acordo com os cálculos realizados nesta análise.

Watsco, há 47 anos a pagar dividendos

A Watsco, Inc. foi constituída na Flórida em 1956 e hoje é a maior distribuidora de ar condicionado, aquecimento e refrigeração (além de equipamentos, peças e suprimentos relacionados) dos EUA.

Deve haver muitos membros da família Nahmad (controladora da Watsco) a depender do dividendo para viver.

Por isso, eu acredito que a tendência de distribuição de dividendos dos últimos 47 anos possa continuar pelos próximos 10 anos (pelo menos). Considerando as baixas taxas de juro, não me posso queixar da rentabilidade expectável.

Cisco Systems… todos usam, mas ninguém vê

A Cisco desenvolve e vende uma ampla gama de tecnologias (redes, segurança, colaboração, aplicativos e nuvem) que alimentam a internet desde 1984 e ajudam os clientes a gerir os utilizadores, dispositivos e coisas que se conectam às suas redes.

A Cisco é uma empresa líder na área da estrutura de redes (TI), mas a concorrência é intensa, bem como os custos associados à inovação.

Se eu quisesse comprar acções da empresa, iria procurar valores abaixo do valor da cotação ao “dividend yield” médio mais alto, tal como demonstro na análise.

A Fastenal vende parafusos?

Inicialmente, pensei que a Fastenal fosse mais uma empresa de distribuição do sector grossista.

Mas não… é uma empresa que alia a experiência no sector industrial e da construção ao desenvolvimento tecnológico de soluções de logística eficientes que permitem reduzir o custo da gestão do inventário dos clientes. Essa é a sua grande vantagem competitiva.

É uma empresa com retornos sobre o capital elevadíssimos e consistentes, com pouca dívida, que distribui dividendos há mais de 30 anos, cotada a um preço sensato (de acordo com os meus cálculos).

Para quê arrendar um apartamento, se posso comprar McDonald’s?

O McDonald’s já é muito conhecido, mas talvez nem todos os leitores conheçam o seu modelo de negócio. A empresa, fundada em 1940, franqueia e opera directamente restaurantes McDonald’s em todo o mundo:

– 119 países
– 39.198 restaurantes no final do ano de 2020 (36.521 eram franchisados, o que representa 93% dos restaurantes McDonald’s)

À cotação actual, a rentabilidade mínima esperada esperada é de 6,05% ao ano, mas o preço a que eu considero a acção subavaliada é diferente do actual.

XP Inc. – brasileiros na NASDAQ

No Brasil, o número de investidores “pessoas físicas” na B3 (a Bolsa de Valores do Brasil) aumentou quase de 59% entre Março de 2020 e Março de 2021.

Actualmente, mais de 3,5 milhões de brasileiros investem na Bolsa (um número baixo, considerando o tamanho da população: +211 milhões), tendo o aumento dos últimos anos sido motivado pela diminuição das taxas de juro .

Os “XP boys” aproveitaram a tendência e lançaram o IPO da XP na NASDAQ.

A empresa está com muito vigor, actuando num mercado com muito potencial de crescimento.

Os voos turbulentos da Boeing

O efeito do confinamento provocou uma crise grave no sector da aviação. A Boeing (uma das maiores fabricantes de aeronaves do mundo) teve de suspender o pagamento do dividendo que distribuía de forma regular há décadas (tenho registo de pagamentos contínuos desde 1942… vejam o gráfico na análise).

Desde a máxima de Março de 2019 ($446), as suas acções caíram quase 80%, tendo subido mais de 200% desde Março de 2020.

Nesta análise vou indicar claramente o que penso acerca do preço actual da acção e das perspectivas de longo prazo.

mockup-ebook-guia-fiscal

GRATUITO

O Guia Essencial para o seu IRS

INICIAR SESSÃO

download ebook grátis

O guia para a independência financeira através de ações

102 páginas para aprofundar o seu conhecimento em ações e investir melhor.