Procurar
Close this search box.
Investidor Prudente - melhores ações

Análises

O guru manda comprar a Schindler. E o Prudente?

Os gurus algorítmicos dizem-me que a Schindler Holding – que caiu mais de 45% desde a máxima do ano passado – está significativamente desvalorizada, mas será que podemos confiar neles? Será que a Schindler Holding é, neste momento, uma excelente oportunidade de investimento?

Illinois Tool Works, uma “Dividend King”

Em princípio, todas as “Dividend Kings” (as empresas que aumentam o dividendo há, pelo menos, 50 anos) vão parar à nossa prateleira de acções Prudentes. A Illinois Tool Works não é excepção. E, ainda para mais, está perto de atingir um “yield” de 6%, que é a remuneração mínima que procuramos no mercado de acções.

Gartner no DNA do Prudente?

A Gartner é líder mundial na pesquisa e consultoria em tecnologias da informação, num mercado que se caracteriza por ser bastante fragmentado, mas uma empresa só entra no DNA do Prudente se remunerar adequadamente os accionistas, por muito boa que seja.

Lockheed Martin, uma empresa para a guerra

Apesar de muito regulamentada, a Lockheed Martin é uma das poucas empresas que está em condições de proporcionar instrumentos de defesa aos EUA e aliados. Isso é o que lhe atribui vantagem competitiva. No entanto, não considero pagar qualquer preço pelas acções.

Airbus, a mais Prudente do duopólio

A Boeing foi excluída da lista completa de acções do Prudente pelo excessivo endividamento que a pandemia produziu nas contas da empresa, mas, curiosamente, a Airbus conseguiu manter a dívida financeira abaixo dos níveis de liquidez.

Cboe Global Markets, a gigante dos derivados

A Cboe opera quatro bolsas de opções, sete bolsas de acções, uma bolsa de futuros e um mercado de câmbio. E agora está a entrar no campo das criptomoedas. Independentemente do futuro destes novos activos, a Cboe tem boas perspectivas de crescimento.

Fresenius Medical e as bolas de cristal

Li hoje uma newsletter que indicava a possibilidade da acção da Fresenius Medical – uma empresa que fornece serviços de diálise renal – triplicar em 5 anos. Será provável?

A Crown Holdings tem cá uma lata…

A Crown Holdings é uma empresa americana, fundada em 1892, que fabrica latas, caricas e embalagens especiais. Tem uma história incrível, pois está na origem das caricas das garrafas de bebidas.

Ferguson, um investimento para o longo-prazo

As pessoas necessitam sempre de canos… sim, canos, canalizações – nos esgotos, nas torneiras de casas, nos equipamentos de ar-condicionado, etc. Sim, é um mercado fragmentado, mas a Ferguson quer dominá-lo.

Itaú Unibanco… um grande banco familiar

O Itaú Unibanco é o maior banco do Brasil. As suas raízes são quase centenárias, o retorno sobre o capital é muito elevado e o pagamento de dividendos e juros sobre capital próprio é recorrente. Como é que um português consegue investir num banco brasileiro?

Kuehne + Nagel = cunanagal?

Para investir bem em bolsa, basta comprar boas empresas a preços sensatos e esperar que dêem frutos. A Kuehne+Nagel é uma boa empresa de logística. Mas qual é o preço-tecto?

Paramount Global… que namoro esquisito

A Berkshire Hathaway do Warren Buffett é a maior accionista da Paramount Global, um conglomerado americano de media e entretenimento que está a ser vendido abaixo do valor do capital próprio.

mockup-ebook-guia-fiscal

GRATUITO

O Guia Essencial para o seu IRS

INICIAR SESSÃO