Bom dia, caros investidores.

O lançamento dos planos do Investidor Prudente está a ser um sucesso, o que irá permitir a sustentabilidade do serviço a longo prazo. Aproveitando esse momento, publicamos um artigo por dia, desde sexta-feira passada:

Recomendo vivamente a leitura desses artigos a todos os subscritores. Alguns leitores ficaram com dúvidas e enviaram-nos perguntas. Acho muito bem! Eu também não compro absolutamente nada sem antes saber exactamente onde estou a pôr o meu dinheiro.

Ainda tem dúvidas? 1 | Investidor Prudente

Perguntas

Vou tentar responder de forma breve a algumas perguntas que recebemos:

O Prudente vai recomendar acções para investir?

Sim, lembrando que as recomendações são genéricas e não consideram a circunstância particular dos investidores. Para isso, iremos lançar a “Acção do Mês” e a “Lista Trimestral”.

O que é a “Acção do Mês”?

É a melhor acção do momento, em termos de qualidade/preço, para investimento a longo prazo. Pode ser uma das empresas analisadas no último mês ou outra anterior que tenha caído de preço.

O que é a “Lista Trimestral”?

É uma lista publicada de 3 em 3 meses que contém as 10 melhores empresas, em termos de qualidade/preço, para investimento a longo prazo.

As análises vão ter a indicação do preço de compra e venda?

Sim. Apesar de haver investidores interessados em não vender as empresas, enquanto os seus fundamentos se mantiverem (isto se não seguirem uma estratégia do tipo coffee can), todas as acções recomendadas serão acompanhadas e os potenciais preços de compra e venda actualizados. Quando uma acção atinge o preço de venda, o investidor pode pensar em substituir essa acção por outra. Para esse propósito, os investidores podem procurar na “Acção do Mês” e na “Lista Trimestral” boas alternativas.

Caso haja alguma alteração significativa nos fundamentos das empresas, haverá, dentro de cada plano, uma recomendação de venda?

Sim. A perda de fundamentos é um sinal claro de venda; isso será indicado a todos os subscritores. Não obstante, quando uma acção atinge o preço de venda e os fundamentos se mantêm, os investidores possam considerar “não comprar a acção” (mantendo-a) ou “vender a acção” (substituindo-a por outra mais atractiva).

Que mercados serão analisados? Só o Americano?

O propósito é analisar todas as grandes empresas cotadas nos EUA, sejam elas americanas ou estrangeiras (ADR’s ou Pink Sheets). Quando uma grande empresa for cotada nas Pink Sheets poderá ser proposta uma Bolsa europeia alternativa.

Haverá a publicação da performance de um portfólio das recomendações?

As acções recomendadas vão ser sempre acompanhadas, indicando nas análises a performance das mesmas, mas não iremos publicar um portefólio público (pelo menos, por enquanto). Tal como foi indicado nos artigos anteriores, o Investidor Prudente não faz previsões, tentando adivinhar o comportamento do mercado de acções. Seleccionamos as melhores acções em termos de qualidade/preço e não fazemos recomendações individualizadas aos investidores – estes deverão ver se as recomendações fazem ou não sentido, se têm ou não coerência interna (isso é o mais importante). O resultado dos nossos estudos é positivo, mas a outperformance de uma carteira de acções de grande capitalização pode demorar anos ou décadas a surgir de forma evidente. O Manual do Investidor Prudente em Acções propõe políticas de investimento alternativas (de 10 a 30 empresas + 25%-75% em caixa + critérios + etc.) que deverão ser definidas pelos próprios investidores, de acordo com a sua aversão ao risco. O alpha (a capacidade de superar um índice de referência) é apenas um dos factores que os investidores defensivos deverão considerar na definição da sua estratégia; a volatilidade da carteira e a aversão ao risco são factores igualmente importantes. A diversificação e a baixa exposição ao mercado de acções pode prejudicar a performance da carteira nos mercados de alta e beneficiá-la nos mercados de baixa, principalmente nas recessões ou depressões económicas.

Não vai haver plano vitalício?

A subscrição vitalícia não está prevista numa primeira fase. No entanto, como temos tido vários clientes a perguntar por essa opção, poderá ser considerada no futuro.

Ainda tem dúvidas?

Se ainda assim surgirem dúvidas, pode deixá-las na caixa de comentários deste artigo. Certas questões mais técnicas, relacionadas com o conteúdo das análises que não podem ser respondidas de forma imediata, deverão ser abordadas especificamente em artigos.

Investidor

25 /mês
  • Acesso a:
  • Indicação da Acção do Mês
  • Lista Trimestral – as 10 melhores acções do momento
  • Análises a Acções
  • Acesso a vários utilizadores

Conhecedor

35 /mês
  • Acesso a:
  • Indicação da Acção do Mês
  • Lista Trimestral – as 10 melhores acções do momento
  • Análises a Acções
  • Acesso a vários utilizadores
Popular

Institucional

4000 /ano
  • Acesso a:
  • Indicação da Acção do Mês
  • Lista Trimestral – as 10 melhores acções do momento
  • Análises a Acções
  • Acesso a 5 utilizadores

Disclaimer

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e não deverá ser entendida como uma recomendação para comprar ou vender acções.

Se entender esta publicação como uma recomendação, tenha em conta que ela é generalista e poderá não ser adequada ao seu perfil de risco, que é único. A sua situação financeira individual não foi tida em consideração pelo Autor da análise, que desconhece o perfil de risco e objectivos de cada um Subscritores do Investidor Prudente.

Se necessitar de conselhos financeiros personalizados, procure sempre os serviços de um profissional devidamente credenciado e autorizado pela CMVM.

O Investidor Prudente e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação.

Esta publicação é propriedade intelectual de BBTOP20 – Produção de Conteúdos, Lda e destinada apenas aos Subscritores do site Investidor Prudente. As informações e opiniões contidas nesta publicação são confidenciais. É proibida a sua transmissão ou difusão, em todo ou em parte, sem autorização expressa.

Consulte o Disclaimer completo do Investidor Prudente.

Etiquetas :

Partilhe com outros investidores
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

10 respostas

  1. Bom dia.
    Nas grandes empresas americanas, parte do retorno será por via dos dividendos.
    Mas estes dividendos são sujeitos a a dupla tributação.
    Como a ultrapassar não querendo englobamento?
    Como a ultrapassar querendo englobamento?

    Obrigado

  2. Boa tarde,

    Existe algum critério definido para a ordem de como vão sendo as análises às big caps? Existirá alguma forma de os subscritores sugerirem ou demonstrarem interesse na futura análise de uma ou outra empresa? Obrigado. Bom trabalho.

    1. Bom dia, Luís.
      O propósito do “Prudente” é analisar todas as grandes empresas (não somente por tamanho, como fiz até agora, mas por ordem de valor “provável” ou por ordem de algum interesse específico), colocar na mira do nosso radar as melhores, descartar as acções especulativas e as de baixa qualidade, e escolher a “Acção do Mês” para investimento a longo prazo. Sim, pode sugerir. Cumprimentos.

  3. Boa tarde Hélder,

    Entre o plano 1 e 2 há a diferença da análise das ações. No entanto, reparei que a ação mensal e a lista trimestral está incluída.
    Pode aprofundar melhor as diferenças entre os planos?

    Obrigado.

  4. Boa tarde Hélder,

    Pelo que entendi a lista trimestral é independente a cada trimestre. Se uma empresa fizer parte da lista num trimestre e já não fizer no seguinte, não significa que deva ser vendida. Pois poderá continuar a ser atractiva, mesmo não estando no top 10 desse trimestre.

    A duvida é se vai continuar a ser feito o acompanhamento dessas ações que saem do top 10 (mas que continuem atractivas) até haver recomendação de venda.

    Abraço,
    Rui

  5. Olá,
    As análises às empresas vão ser como as que estão no site agora ou serão mais profundas?
    e em relação às análises que já se encontram no site vão-se manter abertas ou só para subscritores?
    Quantas análises de empresas serão lançadas por mês?

    1. Bom dia, Raul.
      O estudo da empresa é o mais completo possível, implicando a leitura de todos os documentos essenciais. A publicação da análise e a sua actualização é uma uma síntese, não uma tese. Nem toda a informação apreendida é colocada na publicação, mas os leitores podem sempre questionar aspectos particulares das empresa; eu procurarei responder. Normalmente, sai uma análise por dia útil. A partir de amanhã as publicações só estarão abertas para subscritores.
      Cumprimentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este website é protegido pelo reCAPTCHA e a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google são aplicados.

Iniciar Sessão
Não tem conta?

Se ainda não tem conta de subscritor utilize esta opção para aceder ao formulário de registo.

Registe-se gratuitamente e aceda a conteúdo exclusivo.

ebook-guia-fiscal-do-investidor-em-acoes-2022
download ebook grátis

Guia Fiscal do Investidor em Ações

Preencha o seu IRS de forma simples e rápida com a ajuda deste ebook.